//
Está a ler...

Notícias

VIGILANTES DO ALGIBRE participam no Projeto Coastwatch

Decorreu no dia 20 de novembro de 2018 a Visita de Estudo inserida no Projeto Coastwatch, que tem como objetivo uma caminhada em algumas das praias do Concelho de Albufeira, com o preenchimento de questionário.

O transporte foi cedido pela Câmara Municipal de Albufeira.

Os alunos formaram equipas de trabalho e foram divididos em dois grupos, um partindo da Praia dos Aveiros e o outro da Marina, tendo como ponto de encontro o Sítio do Pau da Bandeira.

As equipes da Praia dos Aveiros foram acompanhados pelos Técnicos do Ambiente da Câmara Municipal e pela Professora Ana Fonseca, e as equipes da Ponta da Baleeira pelo Professor Luciano Nunes. Durante a caminhada feita a pé, cada grupo ficou responsável pelo preenchimento do seu questionário (trechos com 500 metros).

A visita decorreu dentro da normalidade, os questionários na sua generalidade foram bem preenchidos e não houve incidentes.

O lema deste projeto é procurar mostrar a necessidade de criar formas de intervenção que visem disciplinar o uso e a ocupação do litoral. A intervenção do poder público ocorre naturalmente nessas áreas, mas há a necessidade de permitir a participação das populações e das sociedades civis organizadas, junto aos órgãos envolvidos, pois o litoral é um património público de todos.

Com as mudanças climáticas que já são sentidas na atualidade, é necessário uma ação mais prática para levar às populações uma educação e consciência ambiental mais participativa, e o Projeto Coastwatch é um exemplo vivo dessa prática.

Um pouco da história do Coastwatch

O Projeto Coastwatch surgiu na Irlanda em 1988, anualmente um grupo de voluntários fazem uma campanha varrendo 10.000 km de litoral, desde os Fiórdes na Noruega até as Ilhas Gregas, para verificar as condições que se encontram o litoral dessa região. Para reduzir a poluição do planeta é preciso mudar o nosso comportamento com relação ao meio ambiente. Para isso é preciso agir no sentido de desenvolver a cidadania ambiental junto a jovens e adultos, e deixar para os nossos descendentes um planeta sustentável e equilibrado.

A partir da semente lançada pela Irlanda, surgiu a necessidade de desenvolver o projeto em outros países europeus, a Organização Não Governamental – GEOTA, é a entidade responsável pela organização dessa atividade em Portugal.

Estimular nos nossos alunos um contato mais permanente com o meio natural envolvente é, entre outros, um dos nossos objetivos. Procuramos desenvolver uma relação mais próxima com os elementos naturais, facilmente encontrados neste Concelho, alguns inclusive bem próximos da escola, o que nos instiga a criar novas atividades.

Bem hajam

Luciano FM Nunes